Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Pretos x Brancos

Grupo de amigos que passaram ao lado de uma grande carreira, (era o 24 "Quinta da Nora"). Jogamos às quartas, não interessa onde-estamos fartos do assédio dos grandes clubes mundiais!

Pretos x Brancos

Grupo de amigos que passaram ao lado de uma grande carreira, (era o 24 "Quinta da Nora"). Jogamos às quartas, não interessa onde-estamos fartos do assédio dos grandes clubes mundiais!

26
Abr12

Lágrimas

 

 

Entra no campo, os seus olhos esperançosos percorrem cada um dos quatro cantos. Ninguém! Só mesmo a equipa dos Brancos. Começa a brincar com a bola e chuta para a baliza deserta. Ouve um automóvel, vai lá fora ansioso - falso alarme. Continua a enviar uns remates para a baliza, acto continuo vai buscar a bola, pois não há lá ninguém para a devolver. Esboça um sorriso amarelo ao pensar - "pelo menos tenho uma bola só para mim!" Mas a tristeza logo invade o seu coração quando alguém do outro lado grita - "Querem jogo? ou melhor QUERES jogo?"

Do outro lado alguém (Fernando), como bom samaritano que é decide ir trocar umas bolas com ele. "-Queres cansar-me antes do jogo?"- interroga Simão depois de umas bolas mais puxadas. Passam 15 minutos das 22h, alguém reclama a vitória por falta de comparência. Simão dirige-se ao balneário e senta-se e marejaram-se-lhe os olhos.

 

 

Thirty-two
Pretos (0)Brancos (3)2011/2012
Simão CarabinaTiago Oliveira Gr 
Simão SimãoCapitão 
Simão ArmandoLuis Costa 
Simão L. TeixeiraFernando 
Simão FábioPP 
Simão MarcoDavid 'Dj' 
Simão John DoePaulo Neves 
   
   

 

 

PS: Provavelmente haveria quem estivesse com o cravo na mão a ouvir a rádio Nacional à espera da senha "E Depois Do Adeus" para sair de casa e participar na futebolada da quarta.

 

PS1: Ainda ponderei a letra desta música, mas isso seria descer demasiado...até para mim.

19
Abr12

Negócio da Semana: Rodapés

1

"Não temos suplentes, estamos lixados com um F"

 

Jogar uma hora sempre com a mesma equipa não é fácil, como referi na semana passada em relação aos Pretos. A diferença, (pequena), é que os Pretos têm uma média de idades muito inferior à da equipa dos Brancos. Ao fim de alguns minutos já esse facto se estava a revelar, aliás, houve quem, até no aquecimento já estivesse cansado, (e o Fernando nem aquece com muita intensidade).

Os Pretos, esses, esta semana não tiveram esse problema pois eram sete que incluíam dois sub-20 ou três sub-30.

 

2

Porque é que um gajo que aparece de vez em quando, chegado o início do jogo joga de inicio em detrimento de outro que já cá anda à meses?

 

Se a pessoa que chega não consegue ter esse discernimento tem de haver alguém que lhe explique.

Na minha minha opinião isto tem um nome: falta de respeito. Tal como discriminar certas pessoas no tempo jogado. Mas isto é apenas a minha opinião.

 

3

"Se isto não é Show de Bola, não sei o que é!"

 

O marcador esteve equilibrado até ao 2-2, marcaram primeiro os Brancos, mas logo nos minutos seguintes os Pretos empataram, depois o 2-1 e o 2-2. A partir daqui os Brancos distanciaram-se no marcador chegando ao resultado final de 4-7. Parece que os receios expostos no ponto 1 não tinham razão de ser.

Os Pretos apesar de terem uma maior frescura física (disponível) não a utilizaram, sendo frequente ver os jogadores Brancos a desmarcarem-se sem qualquer tipo de acompanhamento. Faltou velocidade, imaginação e acima de tudo solidariedade nos trabalhos defensivos. Como se explica terem aparecido dois ou três jogadores várias vezes (algumas deram golo) para um jogador dos Pretos mais o desamparado Carabina (mais uma grande exibição). O ataque dos Pretos era de uma previsibilidade gritante, e quando conseguiam lubridiar os adversários, ora tinham finalizações 'infelizes', ora o Tiago, que fez também uma boa exibição - começa a ganhar confiança, defendia.

Os Brancos, por seu turno fizeram um jogo muito inteligente. Foram uma equipa coesa, solidária. Iam descansando à vez cá atrás, e tentavam sempre jogar pela certa, evitavam perdas de bola compremetedoras e no ataque preferiam arriscar uma finalização mal enquadrada do que um passe mal medido em que ficassem à mercê de um contra-ataque. Sempre que isso aconteceu os Brancos conseguiam dar uma boa resposta defensiva, ou então o ataque era mal conduzido excepto numa ocasião em que um passe mais à queima deu origem a um contra-ataque que deu golo. 

As jogadas de perigo junto à baliza do Carabina sucediam-se, algumas dessas jogadas 'vêm' nos livros. Jogadas com régua, esquadro, compasso, transferidor e peclise (paquímetro) - ok, se calhar estou a exagerar, esqueçam o compasso. Daí alguém ter dito -"se isto não é show de bola..."

 

4

Há que saber ganhar e há que saber perder.

 

É certo que há pessoas que se entusiasmam mais e quando as coisas correm bem para eles dão largas a esse facto. Expressões como: «Vai buscar...Mama...show de bola...UUiii(quando se faz uma maldade tipo cueca), ocorrem de vez em quando. Se as proferirmos quando as coisas correm bem, não podemos levar a mal quando o contrário acontece, n'est pas?

 

5

A solução (não) estava no banco.

 

A malta bem olhava para ele, mas não havia lá solução. A solução não estava no banco, mas nos próprios jogadores que deram mais um bocadinho de si para levar a nau a bom porto.

 

 

 

Thirty-one
Pretos (4)Brancos (7)2011/2012
Carabina GrTiago Oliveira Gr 
SimãoCapitão 
Luis TeixeiraLuis Costa 
Marco 'V.Basten'Fernando 
Alberto TeixeiraPP                      
Celso 'Guedes' Freixieiro  
 Fábio  
   
16V13V2E

 

 

 

 

 

 

 

 

 PS: Ou mais uma nota de rodapé. Para aqueles que andam lá fora a lutar pela vida, mais o leitor de Singapura é o seguinte: eu não tenho cabeça para todas as semana andar aqui a inventar coisas. A minha mente é (muito) limitada, por isso o melhor é comprarem umas revistazinhas com mulheres nuas de moda para desanuviarem.

 

 

12
Abr12

Personagem Fictício

«O relógio marcava 21.59h, limpa as mãos, suadas devido a um estado de elevada ansiedade, à camisola branca que enverga, já não se recordava de se sentir assim...talvez na primeira vez em que fez de DJ na inauguração do famigerado 'Bar da Tv' nos idos anos que ainda começavam por 1. O seu olhar perde-se no infinito. Nesses segundos recorda como tinha sido na semana anterior, onde apesar de não ter vencido sentiu-se bem consigo próprio. 22 horas - levanta-se num ápice e fecha a porta do balneário. 'Parece que estou com sorte! - pensou. Só há 4 Brancos, vou poder jogar pelos Brancos hoje. Entretanto alguém bate à porta, o seu coração bate muito rapidamente, vai abrir e é o PP. Que decepção, c'um catano.'Agora já têm cinco para cada lado. Como é que eu vou poder jogar de Branco?' - pensou novamente o  herói desta história a quem iremos chamar ficticiamente de Armando. 'Levo as duas camisolas, pode acontecer um milagre'. Durante o aquecimento alguém diz 'Querem jogo?', Armando (nome fictício), mal podia acreditar que era mesmo o seu dia de sorte, é que o PP ainda se estava a equipar e Armando (nome fictício) poderia mais uma vez dar continuidade ao sonho de poder jogar numa equipa que lhe reconhece mérito. 'Boa!'- pensou em forma exclamativa.

E lá começou o jogo, fluido, leve, simples. Triangulação rápida e golo para os Brancos, Armando (nome fictício) nem se recorda quem foi que marcou, mas recorda-se de ter pensado no primeiro golo dos Pretos - 'que grande frango! Até eu que me desvio da bola quando estou à baliza defendia aquela'...Pensou também que era normal para um guarda-redes que faz o segundo jogo com a equipa, que veio dos regionais, partilhar o palco com 'monstros' do futsal (das quartas) - 'ele vai acalmar', parece que os seus pensamentos foram premonições pois mais lá para a frente Tiago realizaria boas defesas e contribuiria para a vitória dos Brancos. Armando (n.f.), assistiu a momentos de boas jogadas dos Pretos, que eram interrompidas num momento por a) deficiente recepção - tão importante no futebol, b) precipitação - acontece quando as coisas teimam em não nos saírem bem, c) azar - sinónimo de aselhice na maior parte das vezes. E Armando (nome fictício), sabe que isso tudo pode acontecer, mas isso noutro dia qualquer. Hoje limita-se a contemplar...a corrida desenfreada do seu 'velho' Capitão para acompanhar um contra-ataque de 3 para 1. Enquanto acompanha o ataque, Armando não pode deixar de sorrir: um contra-ataque com 49+48+44=141 anos...sorri de felicidade também e de nervosismo, 'como é que eu vou fazer a partir da semana que vem, com o inicio das aulas de culinária (aulas fictícias), tenho que fazer como faz o Fernando - FALTAR!'. Enquanto isso o Carabina já tinha defendido 354 remates do Luis (não incluem as 162 tentativas de chapéu), o PP tinha falhado à boca da baliza uma jogada ao primeiro toque, desde cá detrás até lá à frente em que os Pretos só assistiam (maravilhados, quiçá), sim, porque o PP também falha - pensou com um certo desdém Armando - depois daquela cena em que o PP entrou em campo para atrapalhar um contra-ataque dos Pretos. Penalty - gritou Teixeira, enquanto se dirigia para a marca da grande penalidade com a bola. Penalty, porquê - interrogavam-se os outros jogadores que nem se tinham apercebido do que se tinha passado. Armando (nome fictício), pensou - olha-me só estes dois cromos, ainda bem que não está cá o terceiro* (nr:*Rendufas), senão era já aqui uma 'festa'. Enfim! O jogo continuou a desenrolar-se num bom ritmo, os Pretos notava-se que já estavam um bocadinho cansados, porque apesar de haver uma grande diferença de idades o corpo não é de ferro quando não há substitutos. O jogo estava mais do que controlado pelos Brancos, quando Armando (n.f.) ouve do banco uma frase que o deixou marcado - 'Olhem que não estamos a marcar golos!', era verdade! Apesar de dominar o jogo com jogadas de bom recorte técnico (Gabriel Alves que há em mim), os Brancos não estavam a marcar golos e os Pretos lá iam molhando a sopa de quando em vez. Mas o que deixou marcado o nosso protagonista não foi a frase, foi o autor dela(Luis Costa) estar no banco. A Páscoa é mesmo uma altura de esperança para os povos e para aqueles que partilham o pavilhão às quartas...-'deve estar um  santo para cair do altar!'- pensou enquanto tentava ver-se livre da marcação do Marco que não o largava. O jogo aproximava-se do final, naquela que seria provavelmente a última jogada do desafio, mais um contra-ataque, Fernando leva a bola pelo centro, vê o Armando (n.f) a desmarcar-se pela esquerda e endossa-lhe a bola, mas esta sai um tudo nada comprida, Armando tenta mas não consegue e fica a pensar: 'este gajo é realmente muito bom jogador, e boa pessoa também e também é muito talen...' - Prrriiii, apita o 'àrbitro'- final do jogo. Armando (nome fictício), está satisfeito, mais uma quarta-feira bem passada, longe vão aqueles tempos em que se dedicava às quartas-feiras ao artesanato. No balneário, por entre frases 'show de bola'  e 'não devias ter jogado por eles' e 'show de bola é segunda às 8 e um quarto' (esta última não é muito perceptível o alcance), Armando descansa - o chamado descanso do guerreiro - e pensa 'será que na próxima quarta-feira poderei jogar pelos Brancos outra vez?' »

 

 

PS: Qualquer semelhança entre esta história e a realidade é pura coincidência, até porque o Armando que eu conheço já não vem aqui ao blog nem faz comentários, pois houve alguém que o ofendeu num desses comentários.

 

 

 

 

 

Hoje não tenho muito tempo para crónicas, por isso fiquem só com o quadro de ontem:

 

Thirty
Pretos (7)Brancos (10)2011/2012
Carabina GrTiago Oliveira     
SimãoCapitão 
Luis TeixeiraLuis Costa 
Marco 'V. Basten'Fernando 
FábioPP 
 Armando 
   
16V12V2E

 

 

 

 

Part III

 

 Não podia faltar a bucha.

 

 

 

 E quem é que não poderia faltar?

Certo.

 

 

Estará o Vitó a pensar: Será que ainda há muitos aniversários? É que eu preciso vender as minhas famosas tostas!

 

Parabéns para o Fernando, o qual considero, e concordando com a personagem fictícia, uma grande pessoa, joga espectacularmente bem e além de tudo ainda é modesto.

06
Abr12

Coiote apanha Bip Bip

 

A equipa dos Brancos lança um apelo:

 

Aos coiotes (Pretos) desta vida, parem de nos agarrar.

Os Brancos compreendem que não é fácil segurar jogadores que parecem o Bip Bip (Road Runner-Ing. ou Papa Léguas - Pt/Br). E então nesta equipa dos Brancos são mais que muitos. Começando pelo Capitão, também conhecido pela "Bala", passando pelo PP, pelo Rendufas (agora que perdeu 12221 miligramas, pelo Lui..., bem o Luis é mais do estilo Speedy Gonzales, mas só na parte em que grita "Andale, andale! Arriba, arriba!", pois correr é uma cena que não lhe assiste... e ainda o Fernando Bip Bip e o Armando "The Flash"

 

Nesta quarta foram imensas as vezes que vendo-se suplantados pela velocidade vertiginosa dos jogadores dos Brancos, os Pretos mais não faziam do que agarrar ostensivamente, quando não faziam outras manobras ainda mais graves quando em desespero de causa se apercebiam que já nem agarrar era possível. Fica feito o apelo.

 

Assistiu-se nesta quarta-feira a um bom jogo de futsal e, não sei se já aqui referi alguma vez, mas os Pretos têm no seu guarda-redes um valente abono de família, vamos esperar que o Passos do Coelho não venha também a retirá-lo. Os Pretos estavam na sua máxima força, incluindo a Troika dos Guedes. Sim, o triunvirato composto pelo Luis 'Coyote' Teixeira 'Guedes, Alberto Teixeira 'Guedes' e ainda um primo 'Guedes' (do qual infelizmente não me recordo o nome). Estavam tão confiantes que ainda dispensaram aos Brancos o seu melhor jogador: Armando ou The Flash como também é conhecido.

Logo no inicio 'Bala' abre o activo com uma jogada rápida de entendimento Fernando-Rendufas-Capitão/Bala. Não satisfeito, 'Bala'/Capitão bisa na partida com um golpe de cabeça a pentear a bola. Não fosse na própria baliza e este seria sem dúvida um dos golos do mês. O jogo estava equilibrado, com um ligeiro ascendente dos Brancos mas, como a velha máxima diz, quem não marca arrisca-se a sofrer e foi precisamente isso que aconteceu, enquanto os Brancos iam construindo jogadas atrás de jogadas de perigo, "consentiam" que o Carabina estragasse o objectivo final -  o golo! Ao invés, os Pretos que sempre que rematavam à baliza era um "Deus que me acuda" (pois eu não defendo nadinha). Ficaram na retina pelo menos quatro situações: uma do Capitão que deixa entrar uma bola de longe, outra do Fernando e outra do PP que parecia que andava a fazer daqueles malabarismos com as maçãs, com a maçã, digo, a bola, cair mesmo a jeito de um Preto a empurrar para dentro.

A equipa dos Pretos, talvez pela inclusão do Alberto, e também pela disponibilidade fisica do Marco estiveram mais pressionantes do que na semana passada, o que também criou algumas dificuldades físicas aos Brancos e quando não eram os Pretos a recuperar a bola eram os próprios Brancos que a entregavam de bandeja, o que aconteceu esporádicamente.

Mais uma vez e para reforçar a ideia - bom jogo.

 

Resultado final 9-7.

 

 

 

Vejam lá se o Armando não parece o Flash? Parece não. É!

 

 

 

Twenty-nine
Pretos (9)Brancos (7)2011/2012
Carabina GrCapitão 
SimãoLuis Costa 
Luis TeixeiraRendufas 
FábioPP 
Marco 'V. Basten'Fernando 
Alberto TeixeiraArmando 
Primo 'Guedes'  
   
16V11V2E

 

 

 

 

 

 

 

Na terceira parte aproveitámos para comer um petisco (bola) que o Simão nos trouxe para comemorar o 33º aniversário (continua um rapazito).

 

Parabéns!

 

Mais sobre mim

foto do autor

origem

Arquivo

    1. 2022
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2021
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2012
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2011
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2010
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2009
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2008
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2007
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D

Pesquisar

Contacto

pretosxbrancos@gmail.com